Levantamento da situação socioeconômica dos trabalhadores Aquaviários do município de Coari - AM (Survey of the socio-economic situation of waterway workers of the municipality of Coari - AM)

Marcelo Lasmar dos Santos, John Bareto Ramires, Aelivone da Silva Guimaraes, Rosana Veronique Bacelar Barbosa, Tânia Valéria de Oliveira Custódio

Resumo


A Amazônia é caracterizada por possuir uma grande malha fluvial por onde é realizado o transporte de cargas e de passageiros através das embarcações. O objetivo deste trabalho foi de elaborar o perfil sócio-econômico dos trabalhadores aquaviários de Coari-AM. Trata-se de um estudo quantitativo e qualitativo. A coleta de dados foi realizada no período de agosto de 2007 a junho de 2008 através da aplicação de um questionário semi estruturado. O presente projeto de pesquisa foi aprovado pelo comitê de ética em pesquisa da Universidade Federal do Amazonas, protocolo nº 064/07. Fez parte do estudo um total de 194 trabalhadores aquaviários sendo 152 do sexo masculino e 42 do sexo feminino. A maioria dos trabalhadores apresentou idade entre 18 e 27 anos (n=66), solteiros (n=110). Quanto a carga horária de trabalho 81 indivíduos trabalham até 16 horas por dia o que corresponde a uma carga horária de trabalho exaustiva e dependendo da sua função na embarcação riscos ao seu estado geral de saúde. Sendo assim esta pesquisa mostrou que o aquaviário trabalha em uma carga exaustiva, muitas vezes ultrapassando 16h/d, são jovens e de pouca escolaridade, fato este que reflete aos salários baixos, vale ressaltar que para estes o trabalho é uma realidade informal. O que chamou a atenção foi o fato de em sua maioria serem solteiros, situação devida a instabilidade de seus horários e curto tempo que passam em terra.

 

ABSTRACT – The Amazon region is characterized by having a large fluvial network where cargo and passengers are transported by boat. The aim of this study was to describe the socio-economic profile of the waterway workers of Coari-AM. This was a quantitative and qualitative study. Data collection was conducted from August 2007 to June 2008 by applying a semi-structured questionnaire. The research project was approved by the research ethics committee of the Federal University of Amazonas, Protocol nº 064/07. The sample was composed of a total of 194 waterway workers, 152 male and 42 female. Most of the workers were between 18 and 27 years of age (n=66), single (n=110). Regarding workload, 81 individuals worked up to 16 hours per day which corresponds to an exhaustive workload and, depending on their role on the vessel, risks to their general health. Therefore this research showed that the waterway worker has an exhaustive workload, often surpassing 16h/d, and is young and poorly educated, a fact that is reflected in the low wages. It is noteworthy that this employment is offered on an informal basis. Something that drew attention was the fact that the majority were unmarried, a situation resulting from the instability of their schedules and the short amount of time they spend on land.

Keywords: Occupational Health; Occupational Groups; Health Profile


Palavras-chave


Saúde do Trabalhador; Categorias de Trabalhadores; Perfil de Saúde

Texto completo:

PDF


Saúde & Transformação Social/Health & Social Change, ISSN 2178-7085, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.