Pesquisa Qualitativa sobre humanização em Saúde mediatizada por Pesquisa-Ação (Qualitative research in health humanization through action research)

Gisele Coscrato, Sônia Maria Vilela Bueno

Resumo


Cada vez mais aponta-se que a pesquisa-ação necessita ser explorada no sentido de propagar os princípios, finalidades e o aumento na utilização dessa metodologia, com vistas a levar esse conhecimento à academia, de maneira que ela mostre seus resultados e proponha mais discussões e estudos que levem, consequentemente, ao aprofundamento e enriquecimento dessa área de pesquisa. Na área da saúde, este método de pesquisa traria inúmeros benefícios, pois que a educação para a saúde tem, intrinsecamente, realidades e paradigmas que urgem ser transformadas, tanto na área da saúde quanto na da educação. Um dos diversos personagens imersos na interface Educação e Saúde, que demandam práticas embasadas na promoção de saúde nos vários níveis de atenção, seria o profissional enfermeiro. Objetivo: Demonstrar e analisar criticamente o uso da metodologia da pesquisa-ação em uma pesquisa qualitativa, a qual, entre outras temáticas, investigou acerca da humanização no cotidiano profissional de enfermeiros. Metodologia: A pesquisa em questão, de natureza qualitativa, pautou-se em referencial teórico de Paulo Freire, e utilizou-se da metodologia da pesquisa-ação, tendo como participantes, enfermeiros que trabalham na rede pública de saúde de um município do interior paulista. Como técnicas utilizaram-se a observação participante e a entrevista (aplicação de questionário). Resultados: Após categorização dos dados referentes a uma questão, foram apreendidos os seguintes significados sobre humanização atribuídos pelos enfermeiros: acolhimento, diálogo, visão integral do ser humano, boa assistência e bom relacionamento interpessoal, consideração pelo contexto e meio de vida dos usuários, humanização enquanto política pública e cotidiano dos serviços, e direito à saúde. Conclusões: Foi considerada a realidade pela qual os participantes enfermeiros estavam passando, e assim destaca-se que a pesquisa-ação guiada pelos pressupostos freireanos contribuiu de forma pontual com a proposta do estudo.

 

ABSTRACT – Increasingly it is noted that action research needs to be explored in order to propagate the principles, purposes and the increased use of this methodology, in order to take this knowledge to academia, in a way that shows its results and proposes further discussions and studies leading to the deepening and enrichment of this area of research. In health area, this research method would bring numerous benefits, since health education has intrinsic realities and paradigms that need to be transformed, both in health and in education. One of the many characters immersed in the interface Education and Health, which requires practices based in the promotion of health at many levels of care, would be the nursing professional. The aim of this study was to demonstrate and critically analyze the use of action methodology in qualitative research, which among other topics investigated on humanization in daily work of nurses. The was a qualitative study, based on the theoretical framework of Paulo Freire, and used the methodology of action research, having as participants nurses who work in public health of a municipal district in the interior of São Paulo State. The techniques used were participant observation and interviews (questionnaires). After categorization of data on an issue, the following meanings on humanizing attributes were found to have been assigned by nurses: reception, dialogue, integral vision of the human being, good care and good interpersonal relationships, attention to the context and way of life of users, humanization as public policy and quotidian situation of the services, and the right to health. The reality was considered in which the participating nurses were, and so it stands out that action research guided by the assumptions of Freire contributed in a definite way to the study proposal.

Keywords: Nursing; Qualitative Research; Unified Health System


Palavras-chave


Enfermagem; Pesquisa Qualitativa; Sistema Unico de Saúde

Texto completo:

PDF


Saúde & Transformação Social/Health & Social Change, ISSN 2178-7085, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.