A Percepção dos Profissionais da Estratégia Saúde da Família sobre as Implicações da Violência intrafamiliar em Crianças e Adolescentes [The point of view of the family health program professionals about the implications of intrafamily violence upon chil]

Silvane dos Santos Matias, Ellany Gurgel Cosme do Nascimento, João Carlos Alchieri

Resumo


A Violência intrafamiliar (VI) éum fenômeno cultural, um problema social, cuja prática seintensifica cada vez mais em nossa sociedade. O objetivo geral da pesquisa foirefletirsobre as ações de saúde das Estratégias de Saúde da Família (ESF) no Municípiode Pau dos Ferros/RN, quanto à identificação, à prevenção e à intervenção naviolência intrafamiliar contra crianças e adolescentes. Pesquisa qualitativa,de caráter descritivo-exploratório, como método entrevistou-se 52 profissionaisde saúde atuantes em 06 ESF. As falas transcritas foram analisadas e baseadasna análise de conteúdo, organizadas em seis categorias. Observou-se que partedos profissionais consegue identificar a violência quando ela é física, noentanto, a violência psicológica passa despercebida pelos profissionais. Tambémse evidenciou a falta de diagnóstico e notificação por parte da maioria dosprofissionais em especial os enfermeiros, todavia, reconhecem suas falhas principalmente no que se refere ànotificação, uma vez que há barreiras individuais e sociais que se apresentamatravés dos medos e concepções referentes a esse tema, como também a falta deapoio dos gestores municipais e a integralidade da atenção.

ABSTRACT - Intrafamily violence is a cultural phenomenon, a social problem that is becoming more and more often in our society. The aim of this research was to reflect about the health actions of the Family Health Program (FHP) in Pau dos Ferros – RN, concerning to identification, prevention and intervention over intrafamily violence upon children and teenagers. We made a qualitative, descriptive-exploratory research. We interviewed 52 acting healthcare professionals who work in six FHP. Their speeches were transcripted, analyzed based on a content analysis, and arranged in six different categories. We noticed that some of the professionals are able to identify physical violence when they presented to them, nonetheless, the psychological violence is still unnoticed. We also noticed, from the most part of the professionals, particularly nurses, the lack of diagnosis and notification to the patients. However, they know where their faults are, especially those related to notifications. This happens because there are individual and social barriers such as fear and different ideas about this issue. It also happens to lack support from the city managers and integrality of the service.

Keywords: Violence; Domestic Violence; Comprehensive Health Care.


Palavras-chave


Violência; Violência Doméstica; Assistência Integral à Saúde.

Texto completo:

PDF/A


Saúde & Transformação Social/Health & Social Change, ISSN 2178-7085, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.