Planejamento educativo para um grupo que vivencia a hipertensão arterial sistêmica segundo a Abordagem Dialógica [Education planning for a group that experience hypertension for dialogical approaches]

Mariana Paula de Souza, Elton Carlos de Almeida, Vanessa Denardi Antoniassi Baldissera

Resumo


O objetivo desse estudo foi relatar a experiência de elaboração de uma proposta educativa voltada para os idosos, com diagnóstico de Hipertensão Arterial Sistêmica, cadastrados em uma equipe saúde da família, a partir das demandas relativas à vivência com a doença e hábitos de vida. Tratou- se de um relato de experiência, sob abordagem qualitativa de investigação, que se utilizou da pesquisa-ação para o levantamento do universo temático e planejamento educativo pautado na dialogicidade proposto por Freire. O levantamento dos dados foi através de entrevista individual por meio de um formulário contendo 15 questões sobre informações socioeconômicas, hábitos de vida e percepção sobre a hipertensão arterial sistêmica. A respeito da percepção sobre a doença, identificamos 3 classes temáticas: os sintomas percebidos na doença e a dificuldade em perceber-se doente; a explicação para a origem da doença; a incompreensão da doença. Quanto às necessidades de educativas, na perspectiva dos participantes, houve postura de passividade. No que se refere às propostas educativas, foram elaboradas 3 propostas de ação, apoiadas na dialogicidade, discutidas com a equipe de saúde. Esperamos que este trabalho possa abrir novos horizontes da educação e saúde, permitindo que se construam novas possibilidades de ações educativas junto aos portadores de hipertensão arterial sistêmica, não permitindo que sejam reduzidos a sua doença nos momentos educativos, mas que possam ser voltadas à valorização da vida, partindo de suas vivências e perspectivas.

 

ABSTRACT - The objective of this study was present the habits and perceptions about hypertension that older registered in the Programa Nacional de Controle e Acompanhamento da Hipertensão Arterial e Diabetes mellitus of a family health team had, reporting our experience in developing an educational approach aimed dialogical theme for this demand. It was an experience report, a qualitative approach to research, which used action research to survey the thematic universe and guided educational planning in the dialogue proposed by Freire. Data collection was through individual interviews using a form containing 15 questions about socioeconomic information, lifestyle and perception of hypertension. Regarding the perception of the disease, we identified three thematic classes: disease symptoms and perceived difficulty in perceiving them; the explanation for the origin of the disease; the misunderstanding of the disease. The educational needs from the perspective of participants, there was passive posture. With regard to educational proposals were drawn up three proposals for action, supported by the dialogical, discussed with the health team. We hope that this work may open new horizons of education and health, allowing them to build new educational opportunities to individuals with systemic hypertension, not allowing them to be reduced to teachable moments in his illness, but can be focused on enhancing the life, from his experiences and perspectives.

Keywords: Hypertesion; Burnout Professional; Health Education


Palavras-chave


Hipertensão; Esgotamento Profissional; Educação em Saúde

Texto completo:

PDF/A


Saúde & Transformação Social/Health & Social Change, ISSN 2178-7085, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.