Implicações da viuvez na saúde: uma abordagem fenomenológica em Merleau-Ponty [Implications of the widowhood in health: a phenomenological approach in Merleau-Ponty]

Bárbara Olivera Turatti

Resumo


O processo de perda do companheiro, em qualquer época da vida que venha ocorrer, será enfrentado mediante o uso de mecanismos adaptativos do cônjuge sobrevivente à sua nova realidade emocional, podendo implicar no desenvolver de patologias relacionadas ao sofrimento gerado pela ausência daquele que partiu. Os objetivos deste estudo corresponderam em compreender as implicações da viuvez na saúde, descrever em que medida o estado emocional da pessoa em processo de viuvez interfere na produção de doenças, relacionar a história de vida do casal, o tempo de união e o grau de afetividade com o tipo e gravidade da patologia e buscar a ampliação do saber no que concerne ao cuidar da enfermagem neste contexto a partir do referencial merleau-pontyano. Este estudo foi descritivo com abordagem qualitativa e os sujeitos compreenderam 34 idosos com idade superior ou igual a 60 anos em processo de viuvez, enfocando o surgimento de patologias no período pós perda do cônjuge. O cenário foi o Instituto de Educação Gerontológica do município de Niterói – RJ. Utilizou-se a técnica de auto-relato juntamente com um roteiro de entrevistas semi estruturado para direcionar e facilitar a realização das entrevistas. Após a coleta dos dados e transcrição das falas, foi realizada a etapa de categorização dos dados, buscando-se as unidades de significado que foram examinadas à luz do referencial teórico merleau-pontyano. Nos resultados evidenciou-se que vários elementos influenciam o grau e intensidade do choque da perda, bem como a forma como se estabeleceu a partida do companheiro, tempo de união, características da vida a dois e a afinidade de modo geral. Concluiu-se que em qualquer momento em que a perda do cônjuge venha a ocorrer, dependendo do grau de afetividade do casal e de como se desenrolou a vida conjugal, poderá desencadear no viúvo manifestações físicas, em decorrência do sofrimento gerado no processo de viuvez.

 

ABSTRACT - The process of loss of companion at any time of life that will occur will be addressed through the use of adaptive mechanisms of the surviving spouse to your new emotional reality, which may involve the development of pathologies related to the suffering caused by the absence of the one who left. The goals correspond to understand the implications of widowhood on health, describe the extent to which the person's emotional state in case of widowhood affect the production of disease, to relate the life story of the couple, the time of marriage and the degree of affection to the type and severity of disease and to seek the expansion of knowledge regarding the care of nursing in this context in reference merleau-pontyan. This was a descriptive study with qualitative and comprised 34 elderly subjects aged greater than or equal to 60 years in case of widowhood, focusing on the development of pathologies in the period after loss of spouse. The scenario is the Institute of Geriatric Education of Niterói - RJ. We used the technique of self-report along with a semi-structured script to direct and facilitate the interviews. After data collection and transcription of the speeches, we performed a step of categorizing the data, searching for meaning units that were examined in the light of the theoretical merleau-pontyan. The results showed that several factors influence the degree and intensity of the shock of the loss and how to set the departure of partner, length of marriage, characteristics of life together and affinity in general. It follows that at any moment the loss of a spouse will occur depending on the degree of affection of the couple.

Keywords: Widowhood; Nursing; Psychophysiologic Disorders


Palavras-chave


Viuvez; Enfermagem; Transtornos Psicossomáticos

Texto completo:

PDF/A


Saúde & Transformação Social/Health & Social Change, ISSN 2178-7085, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.