Práticas inovadoras de saúde mental na atenção básica: apoio matricial na redefinição do processo de trabalho em saúde/ Innovative mental health practices in primary care: matrix support in the redefinition of work process in health

Mardênia Gomes Ferreira Vasconcelos, Maria Salete Bessa Jorge, Antônio Germane Alves Pinto, Diego Muniz Pinto, Emanuel Cesar Proença Simões, José Pereira Maia Neto

Resumo


Em busca de disparar discussões sobre as práticas em saúde mental na atenção básica, especificamente sobre a lógica de organização de processos de trabalho, propõese uma análise sobre a estratégia de apoio matricial e seus constantes desdobramentos, como a sua interface com a natureza formativa dos profissionais da saúde e a produção dos serviços. Trata-se de uma pesquisa de abordagem qualitativa, interpretativa, que utilizou como técnicas entrevista semiestruturada e observação para coleta de informações. Os cenários do estudo foram dois municípios do Estado do Ceará, no Nordeste do Brasil, enquanto os sujeitos foram constituídos por profissionais da Estratégia de Saúde da Família (ESF) e do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) dos dois cenários. A análise foi orientada pela análise de conteúdo temático. Apesar dos desafios para integrar a saúde mental à atenção básica, o apoio matricial sinaliza caminhos para a construção de um novo modelo de assistência à saúde que esteja articulado com os princípios e diretrizes do SUS.

ABSTRACT In hope of starting discussions about mental health practices in primary care, specifically about the organizational logic of work processes, we propose an analysis about matrix support strategy and its constants developments such as the interface with formative nature of health professionals and service production. It is a qualitative, interpretative research that used techniques such as semistructured interviews and observation for data collection. The scenarios for the studies were two Ceará municipalities, in Northeastern Brazil, and the subjects were professionals of Estratégia Saúde da Família (ESF) and Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) from both scenarios. The analysis was guided by the thematic content analysis. Despite the challenges to integrate mental health into primary care, matrix support indicates paths for the construction of a new health assistance model that is articulated with principals and guidelines of the Unified Health System.

KEYWORDS: Mental Health; Primary Care; Matrix Support; Work Process.


Palavras-chave


Saúde Mental; Atenção Básica; Apoio Matricial; Processo de Trabalho.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Cadernos Brasileiros de Saúde Mental, ISSN 2595-2420, Florianópolis - Santa Catarina, Brasil. Todos os direitos reservados, 2018.