A importância do psicólogo em um programa de saúde mental / The importance of the psychologist in a municipal mental health program in southern Santa Catarina, Brazil

Camila Ramos Emerim, Graziela Ambon

Resumo


Objetivo: Identificar a importância do psicólogo dentro do PSM, a partir do olhar dos profissionais do serviço em um município no sul de Santa Catarina, já que o mesmo não conta com um psicólogo em sua equipe. Método: Trata-se de uma pesquisa qualitativa e exploratória. O estudo contou com a participação de três pessoas, sendo dois, os únicos profissionais que atuam no PSM e a terceira a atual Secretária da Saúde do Município. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas e individuais com cada entrevistado, sendo que nenhum deles trabalha na função de psicólogo. Resultados: Evidenciou-se que a ausência do psicólogo no PSM do município está acarretando um maior número de consultas médicas e o uso exacerbado de psicotrópicos, pois a Unidade não dispõe de outro método de tratamento para aqueles que sofrem de distúrbios psíquicos em quaisquer graus. Além disso, faz com que o quadro clínico do paciente leve mais tempo para se estabilizar, prejudicando assim a sua qualidade de vida. Conclusão: Conclui-se que o trabalho do psicólogo é fundamental para o melhor atendimento e tratamento dos usuários do serviço. E que apesar de ser compreendida a importância do papel do psicólogo para o PSM, a inserção deste profissional na equipe ainda não aconteceu.

 

ABSTRACT: Objective: To identify the importance of the psychologist in a municipal mental health program in the southern state of Santa Catarina, southern Brazil. The program does not have a psychologist on its team. Method: This is a qualitative exploratory study. Semi structured interviews were applied to three professionals, two of them were the only professionals working in the Mental Health Program and the third the current municipal Secretary of Health. None of them worked in the role of psychologist. Results: It became evident that the absence of the psychologist in the Mental Health Program contributes to raise the number of medical consultations as well as to the overuse of psychotropic drugs, because the unit applies no other method of treatment for those suffering from mental disorders in any degree. Moreover, makes it more difficult for the patient's clinical condition to stabilize, thus compromising their quality of life. Conclusion: We conclude that the psychologist's work is fundamental to the best care and treatment of service users. Despite the important role of the psychologist for the Mental Health Program, the integration of this professional in the team has not happened yet. KEYWORDS: Psychology. Mental health. Public health.


Palavras-chave


Psicologia; Saúde mental; Saúde pública.

Texto completo:

PDF-A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Cadernos Brasileiros de Saúde Mental, ISSN 2595-2420, Florianópolis - Santa Catarina, Brasil. Todos os direitos reservados, 2018.