O uso de ferramentas e práticas de Gestão do Conhecimento em uma empresa de soluções em movimentação de cargas

Fabiana Böhm Gramkow, Suely da Silva Carreira, Neri dos Santos

Resumo


As organizações passaram por diversas fases em função da evolução da sociedade: feudal, industrial e atualmente vive a era do conhecimento, caracterizada pela economia do conhecimento – baseada no valor dos ativos intangíveis (conhecimento, descobertas, patentes, invenções) mais que os tangíveis (patrimônio físico). Desta forma o desafio das organizações está centrado em transformar seu diferencial competitivo, baseado no capital estrutural e tangível, para o capital intangível: o conhecimento. Este artigo apresenta um estudo sobre o uso de ferramentas e práticas de gestão do conhecimento em uma empresa de soluções em movimentação de cargas. Para atingir o objetivo proposto utilizou-se o estudo de caso como método baseado em entrevistas com gerentes e análise documental. Na análise dos dados pode-se verificar que, apesar da empresa estudada apresentar características de organização da era industrial, e portanto da economia industrial, está implantando ferramentas e práticas tais como uma plataforma de registros e a criação de um comitê para estudar novos processos e formas de resolver problemas baseados em gestão do conhecimento.


Palavras-chave


gestão do conhecimento, organização de economia industrial.

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Scholar Scholar Livre