A relação universidade-escola no estágio supervisionado do curso de Pedagogia: desafios e possibilidades

Marilia Marques Mira, Joana Paulin Romanowski

Resumo


Este artigo tem o propósito de apresentar reflexões sobre a relação universidade-escola, no campo do estágio supervisionado no curso de Pedagogia. O estudo é parte integrante de uma pesquisa sobre o papel do estágio supervisionado para o exercício profissional dos pedagogos, em que a relação universidade-escola foi definida como uma das principais categorias de conteúdo no processo de análise efetivado. A metodologia de investigação é qualitativa e utilizou entrevistas semiestruturadas com professores e coordenadores das IES, cujos dados foram relacionados à pesquisa bibliográfica e análise dos projetos pedagógicos dos cursos. A análise dos dados foi efetivada com base nos estudos de Martins (1998), Roldão (2007), Lüdke e Rodrigues (2010), Diniz-Pereira e Silva (2010), entre outros. Os resultados indicam que a relação entre a universidade e as escolas apresenta-se como um dos aspectos mais frágeis do estágio, pela dificuldade no estabelecimento de parcerias mais efetivas, aliado às possibilidades de acompanhamento implantadas em função das condições institucionais de trabalho.

Palavras-chave


Estágio Supervisionado; Relação Universidade-Escola; Curso de Pedagogia.

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


EntreVer, ISSN 2237-6674, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.